FANDOM


Esse Mordomo, no Funeral
(その執事、葬送, Sono Shitsuji, Sōsō)
Capítulo13
Publicação 18 de setembro de 2007
Volume 3
Arco Jack, o Estripador
Equivalente Episódio 6
Anterior ← Capítulo 12
Próximo Capítulo 14 →
Template: (ver) - (editar) - (discutir)

Esse Mordomo, no Funeral é o décimo terceiro capítulo do mangá de Kuroshitsuji.

PersonagensEditar

Por ordem de aparição:

Pratos servidosEditar

Nenhum.

ResumoEditar

É o dia do enterro de Angelina Dalles. Várias pessoas comparecem ao funeral em sua homenagem. A identidade criminosa sua como Jack, o Estripador nunca foi revelada ao público e nem mesmo à própria rainha Victoria. A última vítima deste assassino em série, que era uma imigrante ilegal, também é enterrada - os custos foram pagos por Ciel.

EnredoEditar

Três crianças brincam perto de um cemitério; uma delas pergunta ao irmão maior por que há tantas pessoas naquele lugar, o que ele não sabe e seus irmãos o chamam de estúpido, ao que ele se desculpa dizendo que tem apenas doze (anos). Undertaker, apoiado na grade de ferro, concorda e diz que é natural para as crianças não entender. Ele explica que aquela era uma festa especial para uma certa senhora. Curiosas, as crianças perguntam "... festa?", e Undertaker diz que é a última grande cerimônia da vida de um humano: o funeral.

Dentro da igreja, Elizabeth segura uma flor enquanto olha para o corpo sem vida de Angelina em um caixão. Ela olha para trás ao notar a chegada de alguém: são Ciel Phantomhive e Sebastian Michaelis. Andando até o corpo de Angelina, Ciel carrega um vestido vermelho, voltando a atenção dos presentes para ele. Estendendo o vestido no caixão, ele diz (para Angelina) que roupas brancas e fúnebres não combinam com ela, o que realmente combina com é o vermelho ardente. Inesperadamente, pétalas de flores vermelhas, encomendadas pelo conde, começam a voar dentro da igreja e Ciel finalmente se despede de sua tia, Madame Red.

Após o enterro, Lau pergunta a Ciel se ele informou sobre a identidade de Jack, o Estripador a rainha, e Ciel responde que não achou necessário, já que Jack, o Estripador não está mais em Londres. Lau afirma que então os pés do jovem nobre ainda estão atolados na lama, e que ele não deseja se meter com o orgulhoso cão de guarda da rainha. Ciel observa que se o ópio e álcool da China forem vistos como um problema então a Scotland Yard não irá deixá-los assim, e Lau afirma que dessa forma seria preciso apenas fundar um novo negócio. Ele diz que acredita que o conde irá mostrá-lo coisas mais interessantes, e vai embora. Ciel diz a Sebastian que há um lugar que ele deseja visitar.

Os dois encontram Undertaker e Ciel pergunta se ele já terminou. Undertaker mostra o túmulo de Mary Jane Kelly, a última vítima de Jack, o Estripador. Undertaker nota que como ela era uma imigrante ilegal não seria enterrada por ninguém e troça o "bondoso conde" por ter comprado um túmulo para uma prostituta anônima. Ciel diz que não é generoso, explicando que se tivesse priorizado a vida daquela mulher haveriam chances de salvá-la, mas ele preferiu desmascarar Jack. Undertaker pergunta se ele está se lamentando e ele diz que não, pois já não há Jack, o Estripador e a tristeza da rainha foi aliviada. Undertaker diz que não gosta da rainha por ela deixar todo o trabalho sujo para Ciel enquanto ela própria apenas observa tudo de seu trono, mas Ciel diz que este é o karma de sua família, atado ao anel no seu dedo. Undertaker comenta que aquilo assemelha-se mais a uma coleira, prendendo-o à rainha. Ciel afirma que ele mesmo escolheu deixar ser preso. Num movimento brusco, Undertaker puxa Ciel pela gravata e comenta estar ansioso pelo dia em que esta "coleira" irá enforcá-lo, e logo em seguida vai embora dizendo que o conde e seu mordomo são sempre bem-vindos à sua funerária.

Sebastian suscita a nobreza de Ciel com aquela mulher desconhecida, e o jovem novamente iria explicar que não é bondoso mas tem sua fala interrompida pelo mordomo que constata que se ele não fosse generoso seria apenas um covarde, recordando que Ciel não atirou em Angelina quando tinha por precaução uma pistola escondida na cintura. Sebastian insiste e Ciel conclui que não foi preciso pois é do próprio mordomo protegê-lo desde formaram um contrato e que além disso viu hesitação nos olhos de Angelina. Ambos comparam isto a um jogo de xadrez, na qual Ciel é o rei e não pode ser derrotado, sendo necessário sacrificar outras peças.

NavegaçãoEditar

CAPÍTULOS DO MANGÁ ( ver - editar - discutir )

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.